31.12.06

Retrospectiva 2006


Este ano fui feliz!

Colei grau em direito, o que para mim é muito, pois criei o hábito de deixar as coisas pela metade, terminar um curso superior foi uma grande vitória.

Em fevereiro tive o melhor aniversário da minha vida, nunca esquecerei esse ano, foi o ano em que descobri que o dia do aniversário pode ser um dia de alegria.

Fui aprovado na primeira fase do exame da OAB, .
Fui aprovado na segunda fase da OAB (direito civil), uma vitória de grande valor, primeiro porque passei, segundo porque não peguei num livro o que significou pra mim estar bem preparado ao sair da faculdade.

Fiz o compromisso de ordem, realizando um sonho desde a adolescência, quando eu dizia a todos que seria advogado. Agora sou um advogado com todas as prerrogativas e direitos. Com todos os deveres também.

Comprei um carro zero, depois de muitos anos andando num carro caindo aos pedaços, agora estou com um carro que atende a todos os meus desejos, modelo esportivo com bancos de couro, na cor preta, com tudo o que eu sempre sonhei, nele posso colocar minha prancha em cima e partir para as praias.

Comprei uma prancha de surf (fanboard) estou aprendendo a surfar.

Ganhei muito dinheiro no meu primeiro ano como advogado, comprei muitas coisas, algumas importantes, outras que nem sei se precisava.

Tive alguns sustos com a minha saúde, o que me fez agir para melhorar minha vida.

Adquiri hábitos saudáveis, deixei de lado a bebida, as comidas gordurosas, os enlatados, enfim estou aprendendo o sabor das frutas, verduras, peixes, carnes brancas. Continuo viciado em Coca, acho que será muito difícil deixar essa coisa líquida de cor preta e sabor maravilhoso.

Frequentei por três meses uma academia, deixei. Não consigo conviver com aquelas pessoas que passam mais tempo olhando pro espelho do que para o outro. Fico constrangido com o ambiente de uma academia, todos sarados e com o mesmo discurso.

Estou, nesse momento, pesando 91 kg, o que é uma grande vitória, há muito tempo eu não sei o que é estar com dois dígitos na balança.

Troquei todo o meu guarda roupas, dei as velhas e enormes calças e camisas, fui até a Richcards e me deleitei comprando tudo o que eu precisava e que fica bem em mim. Descobri que ter uma cintura é legal, que a minha eterna barriga não faz falta e que todas as roupas ficam bem num corpo esbelto. Ficamos felizes, eu e o vendedor. Agora posso entender o que sentem as mulheres quando saem pra comprar roupas.

Depois de ficar magro passei a ter alguns cuidados comigo. Criei coragem e depilei a barba, acreditem foi a pior dor que eu já sofri em meus 43 anos. Horrível, terrível, algo que não tenho como descrever, mas o resultado é muito bom. Ontem fiz a segunda depilação, dói, mas nada que não se possa suportar.

Troquei os móveis do apartamento, dei todos os velhos e comprei tudo novo. Estou me sentido melhor numa ambiente novo, acho que eu tentei deixar para trás tudo o que tinha algum vínculo com o passado, com as pessoas que fizeram parte dele. Agora que venha o novo, estou pronto para um novo tempo, para novas histórias, novas pessoas.

Por fim eu posso dizer que esse ano foi o melhor de todos os outros, espero que o próximo supere este, e que o amanhã seja de muitas realizações, de muito amor, de muita felicidade.

Agradeço ao meu Deus por ter me concedido tantas alegrias e tão poucas tristezas, peço a Ele que eu tenha saúde e perseverança para ir em frente.

Que o Senhor esteja na condução da minha vida e que suas bençãos sejam derramadas por toda a terra, para aqueles que o amam.

Feliz Ano Novo!!!!

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home